O papel de Heidegger na transformação dos sentidos da hermenêutica ontológica do século XX

Autores

DOI:

https://doi.org/10.29293/rdfg.v5i01.214

Palavras-chave:

Martin Heidegger; ontologia fundamental; analítica existencial; Dasein; giro ontológico.

Resumo

O presente estudo tem por objetivo tratar do papel transformador de Heidegger nas significativas mudanças ocorridas no âmbito da Filosofia e da Hermenêutica no século XX. Essas transformações referem-se à superação do esquema sujeito-objeto através do giro linguístico, que estabelece um vínculo absoluto entre o pensamento e a linguagem, e à criação de uma ontologia fundamental, que passa pela revisão da forma de desenvolvimento da filosofia e opera uma destruição da tradição metafísica na busca de recolocar a questão do ser no centro das discussões filosóficas. A pesquisa se desenvolve por meio de investigação bibliográfica e objetiva abordar a nova visão estabelecida por Heidegger, que dá novo sentido ao método proposto por Schleiermacher e modifica o paradigma até então vigente, terminando por inserir a hermenêutica no plano da faticidade do Dasein (Ser-aí), isto é, na concretude da vida humana. Como ponto hipotético central, traz-se que essa inserção – que visa estabelecer uma maneira de se compreender o ser e comunicar o Dasein – altera sensivelmente os rumos da hermenêutica e da filosofia na medida em que retoma o ponto filosófico fundamental desde os escritos aristotélicos.

   

Biografia do Autor

  • Flávio Quinaud Pedron, Centro Universitário FG (UniFG), Guanambi, BA, Brasil.

    Doutor e Mestre em Direito pela UFMG.
    Professor Adjunto do Mestrado em Direito e da Graduação da Faculdade Guanambi (Bahia). Professor Adjunto da PUC-Minas (Graduação e Pós-graduação). Professor Adjunto do IBMEC. Editor-Chefe da Revista de Direito da Faculdade Guanambi.
    Membro da Associação Brasileira de Direito Processual Constitucional (ABDPC).
    Membro da Associação Brasileira de Direito Processual (ABDPro).
    Membro da Rede Brasileira de Direito e Literatura (RDL).
    Advogado.

  • João Paulo Soares e Silva, Centro Universitário FG (UniFG), Guanambi, BA, Brasil.

    Mestre em Direito pela UniFG. Especialista em Direito Público. Membro associado da Rede Brasileira de Direito e Literatura (RDL). Membro  do CAJU – Centro de Estudos sobre Acesso à Justiça. Professor do curso de Direito da UniFG.

Downloads

Publicado

2018-07-31

Edição

Seção

Artigos

Como Citar

O papel de Heidegger na transformação dos sentidos da hermenêutica ontológica do século XX. Revista de Direito da Faculdade Guanambi, Guanambi, v. 5, n. 01, p. 50–73, 2018. DOI: 10.29293/rdfg.v5i01.214. Disponível em: https://portaldeperiodicos.animaeducacao.com.br/index.php/RDFG/article/view/13896.. Acesso em: 15 jul. 2024.