OS RASTROS DO HIGIENISMO EM ALAGOAS: REFLEXÕES SOBRE O JORNAL DE ALAGOAS (1939)

Autores

  • Fernanda Lays da Silva Santos Universidade Federal de Alagoas
  • Roseane Maria de Amorim Professora do Centro de Educação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

DOI:

https://doi.org/10.19177/prppge.v14e252020208-220

Palavras-chave:

Arthur Ramos, Higienismo, Currículo Escolanovista.

Resumo

Analisam-se os vestígios do movimento escolanovista e higienista em Alagoas e suas implicações no currículo escolar. Este trabalho faz parte de uma pesquisarealizada no campo do currículo e da História da educação. Tem-se como objetivo investigar como as relações de poder se estabeleceram no âmbito escolar; analisar o discurso de Arthur Ramos e sua influência na construção do currículo escolar em Alagoas. Um dos instrumentos de análise foi o Jornal de Alagoas (1939) que circulou no estado com seções escritas pelo higienista Arthur Ramos destinando orientações à educação familiar e escolar da classe popular. No campo da historiografia, utiliza-se a perspectiva da Escola dos Analles, a Nova História Cultural, por compreender ser função do historiador pesquisar e recuperar histórias e personagens tidos como invisíveis. Esta é uma pesquisa de caráter documental e bibliográfico. Constata-se que Arthur Ramos influenciou no constructo do currículo escolanovista divulgando essas ideias no Jornal de Alagoas (1939), sendo esse um meio de circulação destinado também à educação escolar e à população em geral.

Biografia do Autor

Fernanda Lays da Silva Santos, Universidade Federal de Alagoas

Possui licenciatura plena em Pedagogia (2015), pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL), Psicopedagogia Institucional (2016), pela Faculdade de Ensino Regioanal Aternativo (FERA) ; Mestrado em Educação (2018), pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL), na área História do Currículo e da Educação. Atualmente é professora da rede pública municipal de Maceió.

Roseane Maria de Amorim, Professora do Centro de Educação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

Possui graduação em Licenciatura em História pela Universidade Católica de Pernambuco (1996), mestrado em Educação pela Universidade Federal de Pernambuco (2004) e doutorado em Educação pela Universidade Federal de Pernambuco (2011). Atualmente é professora Centro de Educação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em História da Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: educação, currículo, ensino de história, livro didático e formação de professores.

Downloads

Publicado

2020-08-26

Edição

Seção

Artigos de Demanda Contínua