DESENVOLVIMENTO URBANO ALIADO A PRÁTICAS AMBIENTAIS: DIAGNÓSTICO DA COLETA SELETIVA EM MUNICÍPIOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM

Autores

DOI:

https://doi.org/10.19177/rgsa.v9e42020316-335

Palavras-chave:

Cidades sustentáveis. Resíduos sólidos. Coleta seletiva.

Resumo

Devido ao cenário global onde o consumo exacerbado eleva a quantidade de resíduos sólidos produzidos, é necessário que haja políticas públicas que lidem com esse problema de forma a englobar diversos setores da sociedade. Esta pesquisa teve como objetivo principal analisar a atual conjuntura da coleta seletiva em quatro municípios da Região Metropolitana de Belém, no sentido de conhecer a cobertura existente desse serviço em cada município, além de verificar quais os principais problemas na logística de execução nos bairros. O trabalho é um estudo descritivo de caráter exploratório, que teve cinco fases de pesquisa: Delimitação da área de estudo, identificação das cooperativas de catadores, aplicação do Check List com perguntas estruturadas, coleta e análise de dados. Os resultados sobre a cobertura nos municípios de Ananindeua, Belém, Benevides e Marituba indicam respectivamente totais de 22,7%, 23,6%, 80% e 0% de cobertura. Sobre as principais adversidades na coleta seletiva, a maioria das cooperativas relatam que a fase da coleta é onde encontram os piores contratempos devido a não conscientização da população sobre o serviço executado. As cooperativas conseguem juntas reunir um total de 770 t/mês o que seria em média 96,25 t/mês de resíduos sólidos recicláveis por cooperativa. Os resultados sugerem que é necessária uma intervenção mais plena da gestão pública dos municípios, efetivando ações de educação ambiental nos bairros que existem coleta seletiva e ampliar estes projetos para outros locais da região, buscando possibilitar uma sociedade mais consciente devido ao uso da educação ambiental e coleta seletiva como práticas sustentáveis.

 


Biografia do Autor

Rafaella Louzeiro Braga, Universidade Federal do Pará- UFPA

Possui graduação em Engenharia Sanitária e Ambiental pela Universidade Federal do Pará (2015). Pós graduação em Análise ambiental pelo Instituto de Ciências Biológicas da Universidade Federal do Pará (2019). Suas pesquisas estão relacionadas principalmente as Políticas Sustentáveis, Resíduos Sólidos, Educação Ambiental, Reciclagem e Coleta seletiva. Atualmente participa do grupo de pesquisa na Universidade Estadual do Pará- UEPA.

Altem Nascimento Pontes, Universidade Estadual do Pará

Licenciado em Física pela Universidade Federal do Pará (1991); Bacharel em Física pela Universidade Federal do Pará (1994); Mestre em Geofísica pela Universidade Federal do Pará (1995) e Doutor em Ciências, na modalidade Física, pela Universidade Estadual de Campinas (2001). Atualmente é Professor Associado II da Universidade Federal do Pará e Professor Adjunto IV da Universidade do Estado do Pará. Sua linha de pesquisa é Estudos e Pesquisas Interdisciplinares que envolvam Ciência, Tecnologia, Inovação, Educação, Cultura, Saúde e/ou Meio Ambiente. Outra linha de pesquisa de interesse é a Modelagem Ambiental e Ecológica de Ecossistemas Amazônicos.

 

Downloads

Publicado

2020-12-29

Edição

Seção

Artigos