PERSPECTIVAS E DESAFIOS PARA A GESTÃO INTEGRADA DOS RESÍDUOS SÓLIDOS DO MUNICÍPIO DE MARECHAL DEODORO – AL

Autores

  • Kássia Karina Silva de Araújo UFAL
  • Angélica Kelly dos Santos Pimentel Ribeiro IFAL

DOI:

https://doi.org/10.19177/rgsa.v7e42018718-738

Palavras-chave:

Resíduos Sólidos. Gestão Ambiental. Cooperativa.

Resumo

O presente artigo faz uma análise sobre as atividades desenvolvidas pelo poder público municipal da cidade de Marechal Deodoro – AL, observando-se as iniciativas e desafios para atender as exigências da Política Nacional dos Resíduos Sólidos. Através de levantamento bibliográfico, visita de campo, registro fotográfico e entrevista semiestruturada com catadores de recicláveis e representantes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Marechal Deodoro. Observou-se que o município vem atuando e se esforçando para atender a demanda da PNRS. Porém, os desafios que concerne ao Plano Municipal de Gestão Integrada dos Resíduos, requer a conscientização da população de modo geral.

 

 

Biografia do Autor

Kássia Karina Silva de Araújo, UFAL

Mestranda em Geografia e Bacharel em Geografia pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL); Tecnóloga em Gestão Ambiental pelo Instituto de Federal de Alagoas (IFAL); Especialização em Educação e Meio Ambiente, pelo IFAL. E-mail: kassia.s.araujo@hotmail.com

Angélica Kelly dos Santos Pimentel Ribeiro, IFAL

Mestranda em Tecnologias Ambientais pelo Instituto Federal de Alagoas (IFAL). Especialização em Engenharia Ambiental, pelo CESMAC; Tecnóloga em Gestão Ambiental pelo Instituto de Federal de Alagoas (IFAL); Licenciada em Ciências Biológica, pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL);. Especialização em Educação e Meio Ambiente, pelo IFAL. E-mail: angelicakpimentel@gmail.com

Downloads

Publicado

2018-12-12

Edição

Seção

Estudos de Caso