MOBILIÁRIOS PARA ACAMPAMENTOS TEMPORÁRIOS PLANEJADOS: PROPOSTA DE CLASSIFICAÇÃO

Autores

  • Nadieli de Araújo UFSC
  • Lisiane Ilha Librelotto Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC
  • Paulo Cesar Machado Ferroli UFSC
  • Luana Toralles Carbonari UFSC
  • Thais Nolio Santa Cruz UFSC

DOI:

https://doi.org/10.19177/rgsa.v10e02021134-148

Palavras-chave:

Materiais, Mobiliário para Acampamentos Planejados, Sustentabilidade

Resumo

O mobiliário é característico da civilização humana e vem sendo utilizado há mais de 15.000 anos, possuindo características distintas conforme o uso. A insustentabilidade global trouxe consigo os refugiados: políticos, de guerras e de catástrofes ambientais, gerando a necessidade de locais específicos para o abrigo desta população. São estruturas provisórias dotadas de mobiliários, distintos dos outros tipos de mobiliários. Estando sujeitos à condições ambientais e de uso intenso, os materiais usados devem ser leves, de fácil montagem, com baixo impacto ambiental e baixo custo. Este artigo contribui para a sistematização de informações a serem disponibilizadas em uma plataforma denominada Infrashelter, voltada à catalogação de estruturas para acampamentos planejados e particularmente, dos mobiliários e materiais utilizados nestas estruturas. Como resultado parcial da pesquisa, propõe-se a estrutura de catalogação que permita a identificação dos mobiliários presentes nestas, seus materiais constituintes e principais características que possam ser utilizadas como referências de projetos.

Biografia do Autor

Nadieli de Araújo, UFSC

Graduanda Arquitetura e Urbanismo

Lisiane Ilha Librelotto, Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC

Professora/pesquisado UFSC

Líder do Grupo de Pesquisa Virtuhab

Editora da Revista Mix Sustentável

 

Paulo Cesar Machado Ferroli, UFSC

Doutor em Eng. de Produção

Luana Toralles Carbonari, UFSC

Doutora em Arquitetura

Thais Nolio Santa Cruz, UFSC

Graduanda Arquitetura e Urbanismo

Downloads

Publicado

2021-08-03