ÍNDICE DE SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL DOS ESTADOS BRASILEIROS, 2010 E 2014

Autores

DOI:

https://doi.org/10.19177/rgsa.v9e22020376-395

Palavras-chave:

sustentabilidade ambiental, análise fatorial, estados brasileiros

Resumo

Os indicadores de sustentabilidade ambiental se configuram como instrumentos fundamentais para avaliar o impacto do desenvolvimento humano sobre o meio ambiente e auxiliar os governantes na gestão e conservação dos recursos naturais. Nesse contexto, este trabalho objetiva mensurar o índice de sustentabilidade ambiental dos estados brasileiros para 2010 e 2014. Para isso, empregou-se o modelo de análise fatorial exploratória, pelos componentes principais. Os resultados mostraram que os estados de Mato Grosso, Minas Gerais, Pará e São Paulo registraram um nível de sustentabilidade ambiental aceitável, conforme os parâmetros estabelecidos, nos dois anos analisados. Além desses, em 2014, o Rio Grande do Sul também passou a ter essa classificação. Por outro lado, em ambos os anos, nove unidades federativas, pertencentes às regiões Norte e Nordeste, obtiveram um nível de sustentabilidade ambiental considerado crítico. Assim, concluiu-se que a existência de uma parceria entre a sociedade, os agentes privados e o setor público, em prol da conservação da natureza, é fundamental, a fim de reverter a situação do meio ambiente.

Biografia do Autor

Renata Benício de Oliveira, Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)

Mestranda em Economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Eliane Pinheiro de Sousa, Universidade Regional do Cariri (URCA)

Pós-Doutora em Economia Aplicada pela Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” da Universidade de São Paulo (ESALQ/USP) e Professora do Departamento de Economia da Universidade Regional do Cariri (URCA). 

Downloads

Publicado

2020-07-17

Edição

Seção

Artigos