GESTÃO AMBIENTAL ADOTADA EM INDÚSTRIA TÊXTIL DO SERTÃO DA PARAÍBA

Autores

  • Virginia Tomaz Machado Universidade Federal de Campina Grande, campus Pombal, PB, Brasil.
  • Roberlucia Araújo Candeia Universidade Federal de Campina Grande/Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar http://orcid.org/0000-0002-6783-8794
  • Camilo Allyson Simões de Farias Universidade Federal de Campina Grande/Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar
  • Allan Sarmento Vieira Universidade Federal de Campina Grande, Centro de Ciências Sociais Aplicadas e Jurídicas, campus Sousa, PB, Brasil
  • Fernando Antônio Portela da Cunha Universidade Federal de Campina Grande, Centro de Formação de Professores, campus Cajazeiras, PB, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.19177/rgsa.v8e42019267-283

Palavras-chave:

Gerenciamento de resíduos, Indústria de fiação de algodão, Performance financeira, Sustentabilidade.

Resumo

Nas ultimas décadas a questões ambientais estão seriamente discutidas dentro das organizações, e em especial, as indústrias têxteis, que buscam soluções para impactar menos o meio ambiente, e ao mesmo tempo, manter os lucros e a competitividade. Este trabalho vem analisar o sistema de gestão ambiental adotado em uma indústria de fiação de algodão no sertão paraibano. A metodologia foi fundamentada em um estudo exploratório e descritivo, com característica de estudo de caso. E, os instrumentos utilizados foram compilados por meio da observação sistemática, entrevistas e pesquisa documental. Os resultados apontaram que a empresa possui estratégias de controle sustentáveis, a exemplo da manutenção dos maquinários, a redução e reutilização dos resíduos gerados, agregando valor ao processo fabril. E, reduzindo os impactos negativos gerados nos setores ambiental, social e econômico da empresa, buscando uma produção mais limpa.

Biografia do Autor

  • Virginia Tomaz Machado, Universidade Federal de Campina Grande, campus Pombal, PB, Brasil.

    Mestre em Sistemas Agroindustriais pela Universidade Federal de Campina Grande, campus Pombal, PB, Brasil/ Pesquisadora e Docente da Faculdade Santa Maria em Cajazeiras, PB/ Graduanda em Ciências Econômica pela Universidade Federal da Paraíba, Brasil.

  • Roberlucia Araújo Candeia, Universidade Federal de Campina Grande/Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar
    Pesquisadora e Docente da Universidade Federal de Campina Grande, Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar, campus Pombal, PB, Brasil/ Doutora em Química pela Universidade Federal da Paraíba, Brasil.
  • Camilo Allyson Simões de Farias, Universidade Federal de Campina Grande/Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar
    Pesquisador e Docente da Universidade Federal de Campina Grande, Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar, campus Pombal, PB, Brasil/ Doutor em Engenharia pela Ehime University, Japão
  • Allan Sarmento Vieira, Universidade Federal de Campina Grande, Centro de Ciências Sociais Aplicadas e Jurídicas, campus Sousa, PB, Brasil
    Pesquisador e Docente da Universidade Federal de Campina Grande, Centro de Ciências Sociais Aplicadas e Jurídicas, campus Sousa, PB, Brasil/ Doutor em Recursos Naturais pela Universidade Federal de Campina Grande, Brasil
  • Fernando Antônio Portela da Cunha, Universidade Federal de Campina Grande, Centro de Formação de Professores, campus Cajazeiras, PB, Brasil.
    Pesquisador e Docente da Universidade Federal de Campina Grande, Centro de Formação de Professores, campus Cajazeiras, PB, Brasil/ Doutor em Química pela Universidade Federal da Paraíba e Pós-doutorado  no Departamento de Engenharia Química da UFPE-Recife, Brasil

Downloads

Publicado

2020-01-06

Edição

Seção

Artigos

Como Citar

GESTÃO AMBIENTAL ADOTADA EM INDÚSTRIA TÊXTIL DO SERTÃO DA PARAÍBA. (2020). Revista Gestão & Sustentabilidade Ambiental, 8(4), 267-283. https://doi.org/10.19177/rgsa.v8e42019267-283

Artigos Semelhantes

1-10 de 1269

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)