SISTEMA AQUÍFERO PARECIS: VULNERABILIDADE NATURAL E RISCO À CONTAMINAÇÃO

Autores

  • Elizete Marley Backes ECOGEO. Consultoria Geoambiental Ltda.
  • Renato Blat Migliorini Universidade Federal de Mato Grosso

Palavras-chave:

Aquíferos Utiariti, Salto das Nuvens, Ronuro, Vulnerabilidade de aquíferos, Método MAIA

Resumo

Os métodos de vulnerabilidade de aquíferos são muito utilizados para mapear áreas suscetíveis à contaminação, servindo de ferramenta para a gestão dos recursos hídricos subterrâneos. Esta pesquisa visa avaliar a vulnerabilidade natural pelo método MAIA (Método de Avaliação Intrínseca de Aquíferos) e o risco à contaminação do Sistema Aquífero Parecis (SAP) no Estado de Mato Grosso. Este método é uma nova proposta entre as diversas metodologias existentes e se destaca por utilizar apenas variáveis passíveis de serem medidas nos poços ou nos aquíferos como a profundidade da água subterrânea, capacidade específica de poços, transmissividade do aquífero, espessura do solo, declividade do terreno e a pluviosidade média anual, eliminando a subjetividade inerente aos processos de avaliação até então aplicados. Os índices de vulnerabilidade calculados pela equação MAIA resultaram em 96% dos poços classificados como de média vulnerabilidade, 3% de baixa e 1% de alta e extrema vulnerabilidades. Os fatores que mais influenciaram nos resultados de alta e extrema vulnerabilidades foram a pouca profundidade do nível da água, a alta capacidade específica dos poços e o valor elevado de chuvas médias anuais combinadas com a pouca declividade do terreno, favorecendo a infiltração da água no solo e podendo carrear eventuais contaminantes.

Biografia do Autor

Elizete Marley Backes, ECOGEO. Consultoria Geoambiental Ltda.

Geóloga pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Mestre pelo Programa de Pós Graduação em Recursos Hídricos da UFMT. Atua na área de geoprocessamento.

Renato Blat Migliorini, Universidade Federal de Mato Grosso

Faculdade de Geociências - FAGEO da UFMT, atua na área de Hidrogeologia.

Downloads

Publicado

2022-03-14

Edição

Seção

Artigos