COMPRAS SUSTENTÁVEIS NA GESTÃO PÚBLICA: ESTUDO DE CASO EM UMA INSTITUIÇÃO FEDERAL DE ENSINO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.19177/rgsa.v9e12020548-575

Palavras-chave:

Sustentabilidade, Compras sustentáveis, Gestão pública, Plano de Logística Sustentável.

Resumo

No contexto de uma sociedade de consumo, sob um modelo economicista, pergunta-se como a gestão pública poderia considerar a sustentabilidade ambiental nas suas aquisições. Neste sentido, o objetivo geral do estudo foi investigar o processo de compra e os critérios das escolhas feitas pelas aquisições em uma instituição de ensino federal, sob o aspecto de sustentabilidade, por meio das práticas institucionais de gestão. A importância do tema permite reflexões sobre as instituições públicas de ensino, a emergência das questões ambientais e o cumprimento da legislação voltada para aquisições sustentáveis. A pesquisa, que possui uma abordagem qualitativa, caracteriza-se como um estudo de caso. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas com 18 gestores do Instituto Federal de Santa Catarina - Campus de Araranguá. A pesquisa trata, ainda, do processo de tomada de decisão dos gestores sobre compras institucionais, busca identificar a aplicabilidade do Plano de Logística Sustentável do Instituto Federal de Santa Catarina nas compras feitas na instituição. Os resultados da pesquisa mostram que, para a adoção de critérios de sustentabilidade na aquisição em uma instituição pública, é necessário repensar o próprio sistema de gestão, marcado pela rotina burocrática, pensamento cíclico, fragmentação do processo e diálogos não-convergentes entre os gestores e demais sujeitos da instituição. Assim, a pesquisa apresenta um cenário apoiado pela racionalidade econômica, que precisa ser transformado para enfrentamento da crise ecológica.

Biografia do Autor

Patrick de Emerim Luchtemberg, Instituto Federal de Santa Catarina

Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais (PPGCA) da Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC)

Viviane Kraieski de Assunção, Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC)

Professora do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais (PPGCA) da Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC). Doutora em Antropologia Social pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Realizou pós-doutorado na Vrije Universiteit Amsterdam.

Downloads

Publicado

2020-04-20

Edição

Seção

Estudos de Caso