PROPOSTA DE MODELO DE SUPORTE À GESTÃO FOCADO NA SUSTENTABILIDADE DE CADEIAS DE LOGÍSTICA REVERSA DE RESÍDUOS SÓLIDOS

Autores

  • Karina Fernanda Da Silva UFMG
  • Ricardo Silveira Martins UFMG

Palavras-chave:

Modelo de suporte à gestão, resíduos sólidos, gerenciamento de resíduos, logística reversa.

Resumo

Um dos problemas mundiais é o gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos e esse estudo, que é parte de uma tese, visa propor um modelo de suporte à gestão focado na sustentabilidade de cadeias de logística reversa de resíduos sólidos. Essa proposta parte das ideias de sustentabilidade de Enrique Leff e do pressuposto de que o modelo proposto por Elkinghton, conhecido como Triple Bottom Line, deveria ser ampliado por meio da incorporação das dimensões cultural e institucional. Na coleta de dados foi usada o Grupo Focal que contou com quatro grupos e duas rodadas. Na análise foi usada a estatística descritiva na parte quantitativa e a Grounded Theory na qualitativa, tendo como ferramenta de apoio o software Atlas TI. Os resultados demonstraram que os 15 especialistas não atribuem o mesmo grau de importância (peso) às cinco dimensões da sustentabilidade sendo a dimensão ambiental a com maior peso (24%) e a dimensão social com menor peso (16%). Esses especialistas também indicaram que, para mensurar a sustentabilidade, são necessárias 44 diretrizes para indicadores e indicadores. Nesse ponto, os resultados demonstraram que a maioria dessas diretrizes para indicadores e indicadores foram os mesmos já propostos pelos autores e apresentados no levantamento de revisões bibliográficas.

Biografia do Autor

Karina Fernanda Da Silva, UFMG

Doutora em Administração pela UFMG, analista ambiental da SEMAD.

Ricardo Silveira Martins, UFMG

Professor da UFMG.

Downloads

Publicado

2022-03-14

Edição

Seção

Artigos