Características da medição de desempenho organizacional: um estudo descritivo nos hospitais do estado do Rio Grande do Norte

Autores

  • Edzana Roberta F. da C. V. Lucena UFRN
  • Aneide Oliveira Araújo UFRN
  • César Augusto Tibúrcio Silva UnB

DOI:

https://doi.org/10.19177/reen.v4e22011154-180

Palavras-chave:

Medição de desempenho, Indicadores financeiros e não financeiros, Instituições Hospitalares.

Resumo

Essa pesquisa consiste em investigar as principais características da medição de desempenho dos hospitais do Rio Grande do Norte. Para tanto, a metodologia adotada constitui-se de um estudo descritivo, realizado em 46 hospitais do estado, selecionados de forma não-probabilística nas cidades de Natal, Mossoró, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante, Ceará-Mirim, Macaíba, Caicó, Açu, Currais Novos, São José de Mipibú e Pau dos Ferros. Para a coleta de dados, utiliza-se um formulário objetivo, composto por 32 questões, dispostas em escalas de classificação de categoria simples, múltipla escolha e escala Likert. Após tabulação dos dados realizam-se análise descritiva e testes estatísticos não-paramétricos, Qui-quadrado e teste Exato de Fisher. Os resultados demonstram que a maioria das instituições analisadas estão sendo geridas por profissionais com boa qualificação e com conhecimentos em áreas como administração, ciências contábeis, economia e medicina, possuem missão, fazem algum tipo de planejamento, elaboram orçamentos, divulgam seus planos, estratégias e metas, utilizam relatórios e indicadores para a tomada de decisão, avaliam o desempenho e o comparam com organizações de características similares. As hipóteses testadas obtiveram relação significante estatisticamente. Diante desses resultados, pode-se concluir que grande parte dos hospitais constantes na amostra pesquisada, faz uso, em seu processo de gestão, das principais medidas de desempenho investigadas, possuindo dados para avaliar como estão evoluindo no alcance dos objetivos predeterminados e identificar as áreas a serem melhoradas.

Biografia do Autor

Edzana Roberta F. da C. V. Lucena, UFRN

Doutorando do Programa Multiinstitucional e Inter-Regional de Pós-graduação em Ciências Contábeis – UnB/ UFPB/ UFRN

Aneide Oliveira Araújo, UFRN

Professora da UFRN e do Programa Multiinstitucional e Inter-Regional de Pós-graduação em Ciências Contábeis – UnB/ UFPB/ UFRN

César Augusto Tibúrcio Silva, UnB

Professor da UnB e do Programa Multiinstitucional e Inter-Regional de Pós-graduação em Ciências Contábeis – UnB/ UFPB/ UFRN

Downloads

Publicado

2011-12-03

Edição

Seção

Artigos Científicos