ESTUDO PARA MELHORIA NA PERFORMANCE E EFICIÊNCIA DE PLACAS FOTOVOLTAICAS: ATRAVÉS DE UM SISTEMA DE RESFRIAMENTO

Autores

  • Francesco Jurinic Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Jorge Luis Palacios-Felix Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Fabiano Cassol Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Carla Kornowski Jurinic Universidade Federal da Fronteira Sul

Palavras-chave:

Efeito da temperatura, Resfriamento, Rendimento, Energia solar

Resumo

Este trabalho apresenta uma metodologia para geração de energia solar através do sistema fotovoltaico, detalhando seus componentes e demostrando sua eficiência, sendo que um dos principais motivos de redução em sua eficiência são as elevadas temperaturas de operação. Como objetivo pretende-se analisar a influência da temperatura em uma placa fotovoltaica de 150 Watts (W) e produzir um sistema de resfriamento contínuo utilizando água como fluido de resfriamento (propiciando arrefecimento na superfície da placa fotovoltaica). As placas foram instaladas em uma estrutura metálica, afastada a 1 metro do chão, sobre um gramado. Para a construção do sistema de resfriamento foi utilizado uma bomba submersa, que bombeia a água de um reservatório de 500 litros, até o topo de uma placa e distribui uniformemente sobre toda a superfície, retornando a mesma sem nenhum desperdício, para o reservatório. Os experimentos foram realizados no período das 9:00 às 16:00 horas (h) ao longo de diversos dias, observando-se a incidência solar, durante o mês de janeiro de 2020. A inclinação média utilizada ao longo do ano foi de 28,0 °. Com o sistema de resfriamento conseguiu-se reduzir uma média de aproximadamente 22 °C em relação a um sistema de placa fotovoltaica convencional, com essa redução da temperatura obteve-se ganhos na potência gerada e eficiência que chegaram até 15,08 W e 1,61 %, respectivamente. Conclui-se que o sistema de resfriamento contínuo com água e com inclinação de 28 ° é eficiente na redução da temperatura das placas fotovoltaicas, consequentemente no aumento do rendimento e eficiência.

Biografia do Autor

Francesco Jurinic, Universidade Federal da Fronteira Sul

Mestrando no Programa de Pós Graduação em Ambiente e Tecnologias Sustentáveis da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) Campus Cerro Largo.

Jorge Luis Palacios-Felix, Universidade Federal da Fronteira Sul

Doutor em Engenharia Mecânica pela UNICAMP. Professor efetivo do Curso de Engenharia Ambiental e Sanitária e do Programa de Pós Graduação em Ambiente e Tecnologias Sustentáveis da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) campus Cerro Largo

Fabiano Cassol, Universidade Federal da Fronteira Sul

Doutor em Engenharia Mecânica pela UFGRS, Professor na Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)Campus Cerro Largo

Carla Kornowski Jurinic, Universidade Federal da Fronteira Sul

Mestranda no Programa de Pós Graduação em Ambiente e Tecnologias Sustentáveis da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) Campus Cerro Largo

Downloads

Publicado

2022-06-01

Edição

Seção

Artigos