ANÁLISE TÉCNICA E ECONÔMICA DO DIMENSIONAMENTO DE RESERVATÓRIOS DE ÁGUAS PLUVIAIS PARA FINS NÃO POTÁVEIS EM CONDOMÍNIO VERTICAL E HORIZONTAL

Autores

  • Raquel Silveira Faria Universidade Federal de Lavras
  • Michael Silveira Thebaldi Universidade Federal de Lavras http://orcid.org/0000-0002-4579-6714
  • Marina Neves Merlo Universidade Federal de Lavras

DOI:

https://doi.org/10.19177/rgsa.v10e12021119-142

Palavras-chave:

Hidrologia Urbana, Instalações Hidráulicas, Uso Racional dos Recursos Hídricos

Resumo

Os sistemas de captação e uso de água pluvial são alternativas sustentáveis que colaboram com o uso racional da água no meio urbano, assim, o objetivou-se com este estudo avaliar de forma técnica e econômica a implantação de estruturas hidráulicas para o aproveitamento de águas pluviais em dois tipos de condomínios de múltiplas unidades habitacionais, em Lavras - MG, sendo um dotipo vertical e outro horizontal, comparando assim as diferenças técnicas existentes entre eles. Então, preparou-se a série histórica de precipitações do município, e, com isso, pôde-se estimar o volume mensal de água de chuva aproveitável. Depois, elaborou-se o traçado dos sistemas e dimensionou-se as estruturas de captação e condução de água, utilizando as normas NBR 10844 (ABNT, 1989) e NBR 5626 (ABNT, 1998). Ainda foi calculada a demanda de água não potável e assim, determinou-se o volume dos reservatórios inferiores e superiores. Os volumes dos reservatórios inferiores foram calculados pelos Métodos de Rippl, Prático Brasileiro e Simulações, todos apresentados pela NBR 15527 (ABNT, 2007). Por fim, realizou-se a composição orçamentária e efetuou-se a análise técnica e econômica, por meio do Método de Payback Descontado. Identificou-se que para o condomínio vertical, o Método Prático Brasileiro é o mais adequado, enquanto para o horizontal, o modelo de cálculo mais conveniente é o Método das Simulações. Além disso, constatou-se que os sistemas implantados são considerados investimentos a longo prazo, entretanto, possibilitam uma melhor gestão dos recursos hídricos.

Biografia do Autor

Raquel Silveira Faria, Universidade Federal de Lavras

Engenheira Civil, Departamento de Engenharia da Universidade Federal de Lavras

Michael Silveira Thebaldi, Universidade Federal de Lavras

Engenheiro Agrícola, Doutor em Recursos Hídricos em Sistemas Agrícolas. Professor Adjunto da Universidade Federal de Lavras. Departamento de Recursos Hídricos e Saneamento.

Marina Neves Merlo, Universidade Federal de Lavras

Engenheira Ambiental, Mestranda em Recursos Hídricos, Departamento de Recursos Hídricos e Saneamento, Universidade Federal de Lavras

Downloads

Publicado

2021-05-31

Edição

Seção

Estudos de Caso