INJUSTIÇAS E CONFLITOS SOCIOAMBIENTAIS: O QUE SÃO E COMO SURGEM?

Autores

  • Stevam Gabriel Alves Universidade Federal de Pernambuco
  • Solange Laurentino dos Santos Universidade Federal de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.19177/rgsa.v6e22017216-226

Palavras-chave:

Crescimento Econômico, Polos de Desenvolvimento, Injustiças Ambientais, Conflitos Socioambientais, Populações Tradicionais.

Resumo

O presente artigo consiste numa revisão de literatura que versa sobre o surgimento das injustiças e conflitos socioambientais. No Brasil, os grandes polos de desenvolvimento tem sido alvo de importantes investimentos tanto da iniciativa privada, como do setor público, tendo como premissa o crescimento econômico. Contudo, esses polos têm originado inúmeros impactos tanto no ambiente, como nas populações que tradicionalmente os ocupam, o que culmina nas injustiças e nos conflitos socioambientais. Nesse sentido, o objetivo d trabalho é analisar o surgimento das injustiças e conflitos socioambientais a partir de conceitos teóricos e como os sujeitos presentes nesse processo criam suas estratégias de luta. Para a realização desta pesquisa, foram realizada consulta nos bancos de dados Scielo e Google Scholar, a partir de um levantamento teórico sistematizado. A revisão sistemática incluiu trabalhos publicados entre 2004 e 2016, em âmbito nacional. A partir das revisões, constatou-se que as injustiças e os conflitos socioambientais trazem à tona as diversas formas de uso dos recursos naturais, particularmente por atores sociais mais fortes, seja através da subtração de bens de uso comum das populações tradicionais que os utilizam, seja através dos impactos originados por determinados modos de produção que direcionam seus rejeitos aos bens naturais utilizados pelas populações tradicionais.

Biografia do Autor

Stevam Gabriel Alves, Universidade Federal de Pernambuco

Licenciado em Geografia pela UFPE, Graduando do curso de Gestão Ambiental do IFPE, Especialista em Gestão Territorial e Analise Ambiental pela FUNESO, Mestre em Desenvolvimento e Meio Ambiente pela UFPE. Atualmente é doutorando do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente da UFPE

Solange Laurentino dos Santos, Universidade Federal de Pernambuco

PHD em Saúde Coletiva pela FIOCRUZ/PE.Profa. Adjunta do Depto. de Medicina Social e do programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente da UFPE. 

Downloads

Publicado

2017-08-01

Edição

Seção

Artigos