ANÁLISE DO GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS DE TECIDOS GERADOS PELA INDÚSTRIA DE CONFECÇÕES DO AGRESTE DE PERNAMBUCO

Autores

  • Wanderbeg Correia de Araujo Universidade Federal de Pernambuco
  • Marcele Elisa Fontana Universidade Federal de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.19177/rgsa.v6e12017101-124

Palavras-chave:

Indústria de Confecção de Pernambuco, Impactos ambientais da indústria de confecção, Gerenciamento de Resíduos de tecidos, Produção mais Limpa.

Resumo

O presente estudo tem como objetivo, analisar à forma de gerenciamento dos resíduos sólidos, com foco em restos de tecidos, das micro e pequenas empresas de confecções do Agreste de Pernambuco, bem como propor formas de prevenção de resíduos na fonte e melhorias em seu gerenciamento. Para isso, foram realizadas entrevistas e aplicação de questionário para identificar o perfil das empresas e as práticas de gerenciamento de seus resíduos de tecidos. Através desta pesquisa, constatou-se que a maioria das empresas de confecções do Agreste de Pernambuco, que foram objeto de estudo na pesquisa, não possui uma política ambiental voltada para o gerenciamento de seus resíduos e, quando essas possuem, foi possível perceber que a maioria delas apenas procura cumprir o que é exigido pela legislação. No entanto, a maioria das empresas consideradas na pesquisa, não procuram por vontade própria meios de gerenciar seus resíduos sólidos de forma sustentável. Dessa forma, foram verificadas e propostas oportunidades de produção mais limpa, como forma de prevenção e gerenciamento de resíduos sólidos nas micro e pequenas empresas de confecções do Agreste de Pernambuco.

Biografia do Autor

Wanderbeg Correia de Araujo, Universidade Federal de Pernambuco

Graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal de Campina Grande, atualmente cursando mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Pernambuco

Area de atuação: Gestão Ambiental

Marcele Elisa Fontana, Universidade Federal de Pernambuco

Doutora em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Pernambuco – UFPE, professora da universidade federal de Pernambuco - Campus Agreste.

                                                         

Downloads

Publicado

2017-05-10

Edição

Seção

Artigos