Supervisão e gerenciamento ambiental em obras rodoviárias: estudo de caso sobre a duplicação da BR-101 Sul

Autores

  • Greicy Clara Besen
  • Jairo Afonso Henkes

DOI:

https://doi.org/10.19177/rgsa.v1e22012180-240

Palavras-chave:

Meio ambiente, sustentabilidade ambiental, gestão ambiental, supervisão ambiental, BR-101 Sul, rodovias

Resumo

O presente estudo de caso objetivou demonstrar a aplicação dos instrumentos de gestão e supervisão ambiental utilizados no setor rodoviário pela ESGA – Empresa de Supervisão e gerenciamento Ambiental, no projeto de ampliação da capacidade rodoviária e modernização da BR-101 Sul. Para realizar o trabalho foi feito uma pes-quisa sobre a rodovia e seu histórico, bem como, um referencial dos marcos regula-tórios do setor de transporte e da questão ambiental no Brasil. Também se buscou demonstrar o processo de regulamentação ambiental de um empreendimento rodo-viário, os estudos necessários e as licenças obrigatórias. Abrangeu-se ainda todos os programas definidos do PBA no âmbito da Supervisão Ambiental – Plano de Controle Ambiental (PCA), foco principal deste estudo de caso.  A maneira com que os programas ambientais são aplicados e toda a didática da Supervisão Ambiental. São demonstrados de maneira lúdica, com gráficos e imagens, descrevendo exemplos práticos de ocorrências ambientais verificadas. Apresentando os principais problemas que a supervisão encontra em campo, pode-se efetuar um planejamento futuro facilitando os próximos projetos rodoviários com sistema de Supervisão e gerenciamento Ambiental, sendo este projeto o primeiro no Brasil.

Biografia do Autor

Greicy Clara Besen

Acadêmica do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental – Unisul Virtual.

Jairo Afonso Henkes

Professor do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental e do Programa de Pós Graduação em Gestão Ambiental da Unisul. Mestre em Agroecossistemas. Especialista em Administração Rural. 

Downloads

Publicado

2012-12-07

Edição

Seção

Estudos de Caso