Discursos sobre o idoso: sexualidade e subjetividade.

Autores

Palavras-chave:

Discurso, Dispositivo, Sexualidade, Idoso.

Resumo

O objetivo deste trabalho é fazer uma descrição da forma como a sexualidade do idoso é representada em diversos processos discursivos. Tal recorte se deve ao fato de que, nos últimos anos, houve um aumento da população idosa e esta se tornou objeto de uma produção discursiva que fez emergir a figura do novo idoso. Entre as práticas características dessa subjetividade está uma sexualidade ativa. A partir de uma perspectiva discursiva, calcada nos pressupostos lançados por Michel Foucault, foi constituída uma série enunciativa composta de diversos textos em que a sexualidade do idoso é abordada. Essa série é analisada com base em conceitos foucaultianos como objetivação, subjetivação, práticas discursivas e dispositivo da sexualidade, de modo a apontar estratégias recorrentes na criação de um discurso da sexualidade do idoso. A análise aponta que a representação da sexualidade idosa é diferente em processos de objetivação e de subjetivação.

Biografia do Autor

Adélli Bortolon Bazza, Universidade Estadual de Maringá

Professora Adjunta do Departamento de Língua Portuguesa da Universidade Estadual de Maringá

Pedro Navarro, Universidade Estadual de Mringá

Professor no Departamento de Língua Portuguesa e no programa de Pós-Graduação em Letras da UEM

Downloads

Publicado

2019-07-12